007 Gruta Cova da Moura

 A cavidade situa-se entre a cavidade "Algar dos Bolhos - Gruta Casal da Lebre" e "Gruta Velha -Bolhos II", Freguesia da Atouguia da Baleia, Concelho de Peniche, a meia encosta no extremo do Planalto das Cesaredas virada para a povoação de Bolhos. A cavidade desenvolve-se com uma orienteção de NE para SO com cerca de 5 metros de desenvolvimento, 2 metros de desnivel e uma largura media de 1,5 metros, resultado da escavação arqueologica, surge a meio da cavidade um meandro com orientação para Este que se desenvolve por cerca de 4 metros, considerando a sedimentação extraida da escavação e a parca sedimentação no final visivel do meandro somada ao conhecimento da espelometria das cavidades adjacentes presume-se que a cavidade tenha ainda reservado salas para Este de dimensões largas e altas, somente com uma intervenção fisica de forma a permeabilizar a passagem será possivel a confirmação desta teoria.

A cavidade resulta de uma erosão da encosta anterior a um colapso de três grandes blocos que fariam tecto do que outrora seria uma lapa, o solo é composto por um caos de blocos resultantes de rolamento ou deposição da superficie a zona intervencionada revelou que a deposição das ossadas terá sido feita numa falha geologica resultante das fraturas verticais  tipicas  da zona carsica em questão. o tecto apresenta-se com formas semi esfericas resultantes de erosão causada por condução de aguas presseorizadas naturalmente ao qual podemos presumir considerando o relevo que em epocas de maior precepitação esta actal cavidade fosse uma nascente temporaria.

 

 

Levantamento topografico realizado, publicado em breve. 

Biologia

Foi possivel identificar as seguintes espécies:

 

Bibliografia da cavidade

- Da existência do homem no nosso solo em tempos mui remotos provada pelos estudos das cavernas. Notícia acerca das Grutas da Cesareda (1867)

Arqueologia

A cavidade "Gruta Cova da Moura" é a ultima cavidade, das três descritas por N. Delgado na sua publicação "Da existência do homem no nosso solo em tempos mui remotos provada pelos estudos das cavernas. Notícia acerca das Grutas da Cesareda (1867)".